Notícias de Actualidade
Mensagem do Embaixador
Informação da Embaixada
Relações Sino-Africanas
Fórum para Cooperação China-África
Relações Sino-Angolanas
Secção Económica e Comercial da Embaixada
Serviço Consular
Visto para a China
Certificado Notarial/Legalização
A China ABC
A China ABC
·Discurso Inteiro do Embaixador Gong Tao na Comemoração do 71º Aniversário da República Popular da China(2020-09-30)
·Embaixador Gong Tao Publica Artigo no Jornal O País(2020-09-06)
·Embaixador Chinês Gong Tao Publica Artigo no País(2020-07-28)
·Discurso de S.E. Xi Jinping,Presidente da República Popular da China,na Cimeira Extraordinária China-África sobre a Solidariedade contra a COVID-19(2020-06-18)
·Embaixador Chinês Gong Tao Publica Artigo no País(2020-06-11)
·Vencer a COVID-19 com Solidariedade e Cooperação e Construir uma Comunidade Global de Saúde para Todos(2020-05-19)
·Embaixador Chinês Gong Tao Publica no País Artigo Titulado "A China Solidariza-se Com Angola e Comunidade Internacional Na Luta Contra o COVID-19"(2020-04-18)
·Embaixada Deu Entrevista a Rádio Nacional de Angola(2020-04-15)
·SEGUNDO RELATÓRIO SOBRE AS RELAÇÕES CHINA-ANGOLA À LUZ DAS 8 INICIATIVAS PROPOSTAS NA CIMEIRA DE BEIJING DO FÓRUM PARA A COOPERAÇÃO CHINA-ÁFRICA (FOCAC 2018)(2020-04-09)
·Presidente da República de Angola Solidariza-se com o Povo Chinês(2020-02-13)
·Embaixador Chinês Gong Tao Publica no País Artigo Titulado "De Mãos Dadas, A China Superá O Novo Coronavírus Juntamente Com O Mundo"(2020-01-31)
·Embaixador Chinês Gong Tao Publica no Jornal de Angola Artigo Titulado "Põe fim à Violência e Repõe a Ordem em Hong Kong"(2019-08-11)
·Comentário: China ressegura ao mundo uma abertura contínua(2019-04-30)
·Xi Jinping espera aprofundar a cooperação do Cinturão e Rota(2019-04-28)
·Xi Jinping anuncia novas medidas de reforma e abertura(2019-04-26)
©2009 Embaixada da República Popular da China Todos os Direitos Reservados
Notícias de Actualidade
Mensagem do Embaixador
Informação da Embaixada
Relações Sino-Africanas
Fórum para Cooperação China-África
Relações Sino-Angolanas
Secção Económica e Comercial da Embaixada
Serviço Consular
Visto para a China
Certificado Notarial/Legalização
A China ABC
A China ABC
Discurso Inteiro do Embaixador Gong Tao na Comemoração do 71º Aniversário da República Popular da China
2020/09/30

Ilustres convidados, amigos e a comunidade chinesa em Angola:

Boas tardes!

Constitui para mim motivo de particular satisfação por nos reunirmos na "Recepção da Nuvem" para comemorar o 71º aniversário da fundação da República Popular da China!

Nos últimos 71 anos a partir da fundação da República Popular da China, sob a liderança do Partido Comunista da China, 56 grupos étnicos chineses persistiram em seguir seu caminho de desenvolvimento, superaram a pobreza e atraso e avançaram rumo à prosperidade. Graças à sua diligência e sabedoria, o povo chinês soube aprofundar continuamente os intercâmbios e a cooperação com o mundo e entrou numa nova era. Os 1,4 bilhão de chineses se uniram estreitamente em torno do Comitê Central do PCCh com o camarada Xi Jinping no núcleo, criaram milagres de desenvolvimento.

A China de hoje deixou de ser pobre e se tornou a segunda maior economia do mundo, chegando a ser o "número 1 do mundo" em manufatura, comércio exterior, reservas em divisas, etc. O grande rejuvenescimento da nação chinesa mostrou perspectivas brilhantes sem precedentes. Ao mesmo tempo, contribuímos ainda com a sabedoria e o plano chinês para o desenvolvimento pacífico do mundo. Em cooperação mutuamente benéfica com os outros países, os laços da China com o mundo foram fortalecidos como nunca antes. O conceito de cooperação ganha-ganha é propício para o desenvolvimento comum e o progresso de todas as partes e está em linha com a tendência de desenvolvimento da época. O ritmo da reforma da China não vai parar, e a porta de abertura nunca será fechada.

Distintos convidados e amigos,

Atualmente, a pandemia do Covid-19 acelerou a evolução de grandes mudanças sem precedentes nos últimos cem anos. A humanidade enfrenta imensos desafios comuns e entra numa nova encruzilhada. A China lutou unida e alcançou grandes sucessos na prevenção e controlo do Covid-19. A retomada do trabalho, da produção e dos negócios foi conseguida. China e Angola cuidaram-se mutuamente e trabalharam ombro a ombro no combate à epidemia. Ambas as partes deram-se um ao outro firme apoio e ajuda no primeiro momento. China e África lutaram lado a lado, com a confiança mútua e amigável. A China acarinha imenso a tradicional amizade China-África e China-Angola. Por mais que mude a situação internacional, a determinação da China em fortalecer a união e a cooperação entre China-África e China-Angola nunca vai vacilar. China e África são forças importantes nos países em vias de desenvolvimento. Devemos entender firmemente a direção de apoio mútuo, solidariedade e cooperação, promover de forma inabalável o desenvolvimento saudável e estável da parceria estratégica China-África. Vamos juntos combater a epidemia, restaurar a economia e salvaguardar a justiça na comunidade internacional.

O ano de 2020 marca o 37º aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas entre a China e Angola e o 10º aniversário do estabelecimento da parceria estratégica. As relações bilaterais de amizade e cooperação têm sido continuamente consolidadas e desenvolvidas, enquanto o padrão de interligação e interação foi verdadeiramente formado, trazendo assim interesses tangíveis para os dois povos. Ambas as partes manifestam o firme apoio aos respectivos interesses centrais, e defendem conjuntamente a posição central das Nações Unidas no sistema internacional e multilateralismo, promovem e ajudam um ao outro o desenvolvimento nos aspectos econômicos e sociais. Tudo isso não apenas fortalece a força geral dos países em vias de desenvolvimento, como também contribuiu para a prosperidade e estabilidade do mundo.

Em 25 de Setembro, os dois chefes de estado da China e Angola fizeram uma conversa telefónica, e chegaram aos amplos consensos novos e importantes no que dizem respeito a cooperação nos domínios de política, economia e comércio, combate a Covid-19 e assuntos internacionais.

Estimados convidados e amigos,

Na perspectiva ao futuro, as relações China-Angola irão seguramente avançar no bom caminho, à luz dos amplos consensos chegados por conversa telefónica entre os dois chefes de estado:

1. Aprofundamos a cooperação China-Angola. A China está disposta a cooperar com Angola, juntamente com a ONU, a Organização Mundial de Saúde e outros parceiros internacionais no sentido de fornecer assistência para combate à pandemia, e aprofundar a cooperação com Angola nos domínios económico, social e cultural. A China está disposta a dar prioridade ao compartilhamento com os países africanos inclusive Angola, logo que a investigação e o desenvolvimento de suas vacinas sejam bem sucedidos e elas colocadas em uso.

2. Promovemos a colaboração aberta. A China está empenhada em formar gradualmente um novo padrão de desenvolvimento caracterizado de dupla circulação, que tem o mercado interno como esteio e permite que o ciclo interno e externo impulsionem um ao outro. A parte chinesa deseja promover a retomada do trabalho e da produção económica em Angola, encorajar empresas chinesas com capacidade se deslocarem a Angola para cooperação e investimento, com o fim de promover novos desenvolvimentos de cooperação prática entre os dois países, e melhor conetar a iniciativa chinesa de "Cinturão e Rota" juntamente com a estratégia angolana de diversificação económica.

3. Salvaguardamos o multilateralismo. A China está disposta a fortalecer a cooperação com Angola em assuntos bilaterais e internacionais. Vamos juntos aderir ao conceito de governança global, defender o sistema de governança global com as Nações Unidas em núcleo, e apoiar a Organização Mundial de Saúde em fazer maiores contribuições para a luta global contra a pandemia e promover a construção da comunidade da humanidade com futuro compartilhado.

4. Persistimos nos princípios de sinceridade, efectividade, afinidade e boa fé. A China está disposta a consolidar a amizade e a confiança mútua com os países africanos, incluindo Angola. Vamo-nos apoiar mutuamente em questões relativas aos interesses vitais de cada parte, salvaguardar em conjunto os interesses fundamentais da China-África e dos países em desenvolvimento, defender firmemente a justiça internacional, e construir uma comunidade China-África com futuro compartilhado ainda mais estreita.

Obrigado a todos!

Suggest to a friend
  Print
©2009 Embaixada da República Popular da China Todos os Direitos Reservados